“O Feirense abrange todos os critérios exigidos a uma formação de topo”

Portugal Sport: O complexo desportivo do Feirense é ímpar na zona compreendida entre Porto e Lisboa. Dentro do clube que importância assume a hoje a formação do Feirense?

José Fernando: Algo que nos deixa orgulhosos é receber nas nossas instalações clubes como FC Porto e ouvir da parte deles elogios como “quem nos dera ter algo assim para a nossa formação”. Portanto o FC Porto tem a excelência na formação mas não tem estas condições em termos de complexo, eles acabam por dispersar um pouco por todo o lado. Neste espaço concentramos toda a nossa formação, desde os petizes até aos juniores.

De há vários anos a esta parte o Feirense apresenta sucesso desportivo de forma consecutiva no futebol de formação. Este anos temos os planteis e quadro técnico alinhavado, para mais conseguirmos mais uma vezes os nossos objetivos, competindo com os nossos vizinhos daqui e com os nossos rivais a nível nacional. As nossas equipas de primeiro ano no contexto distrital conseguem competir de igual para igual com equipas de segundo ano. Isso dá-nos uma margem de manobra interessante para evoluir os jogadores. Neste momento estamos com o nosso plantel de sub-17 e a base da equipa são miúdos sub-16, que fizeram 34 jogos no escalão acima e conseguiram ficar nos lugares cimeiros no campeonato distrital.

PS: A filosofia da formação do Feirense passa por formar para ganhar, ou passa por formar adultos responsáveis?

JF: Temos sempre uma preocupação social e civil. Formar a ganhar, se possível, mas não vamos nunca vacilar na vertente pedagógica, porque nem todos estes miúdos vão dar jogadores. Muitos vão ter outros projetos de vida e vão ter uma carreira paralela ao futebol. Eu próprio joguei futebol, fui treinador, passei por camadas jovens, divisões distritais, nacionais e Liga Europa, quando em 1999 fiz parte da equipa do António Sousa, conquistando a Taça de Portugal ao serviço do Beira-Mar. Hoje procuro transmitir aos miúdos da formação os valores humanos que aprendi neste meu percurso no futebol. E por isso mesmo sei que antes do futebol, tem de estar os estudos. Ninguém precisa de abdicar de uma coisa para ter outra, é possível ter uma carreira no futebol e estudar ao mesmo tempo ou ter uma carreira.

PS: Acompanham o desenvolvimento escolar dos miúdos?

JF: Acompanhamos tudo, aliás as cinco estrelas que recebemos não foram por acaso. O Feirense abrange todos os critérios exigidos a uma formação de topo e que são necessários para a certificação. Por exemplo, a meio da época pedimos a avaliação escolar de todos os nossos atletas, para fazer um balanço e se por vezes existir necessidade temos um psicólogo, um acompanhamento na sala de estudo, para que os miúdos tenham todas as condições de ter bons resultados académicos. Se necessário chamamos o atleta e o encarregado de educação e tentamos perceber o que se passa, caso o aluno tenha maus resultados escolares.

PS: Considera que a formação do Feirense é o topo da pirâmide do futebol de formação em Aveiro?

JF: No distrito somos o topo da pirâmide. Acredito muito no nosso valor. Um dos meus sonhos no futebol seria um dia ver o Feirense sénior seguir o caminho de um Atlético de Bilbao. Gostava de ver o nosso clube apenas representado por jogadores de Aveiro, oriundos da formação local. Aveiro é uma imagem de marca na formação e de onde saem vários talentos. Se conseguirmos segurar esses talentos no plantel principal do Feirense, teremos uma das melhores equipas do país.

Compartilhar

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

cuatro × uno =